25 de outubro de 2017

Pesquisa aponta Tandara como jogadora mais valorizada da Superliga

Tandara é admirada pelos fãs e temida por adversários. Os motivos são os mesmos para ambos: potência ofensiva, qualidade técnica, garra, espírito de liderança e poder de decisão. Contudo, pesquisa divulgada pelo blog especializado em vôlei Saída de Rede revela outro ângulo para o olhar dos times que disputam a Superliga 2017/18 em relação à ponteira do Vôlei Nestlé, o desejo. Segundo os dados, 28,6% dos rivais da equipe de Osasco contratariam a camisa 16, o maior índice entre todas as atletas citadas.

A pesquisa é inspirada na NBA. Anualmente, a liga norte-americana profissional de basquete colhe a opinião dos general managers das franquias para fazer um balanço das expectativas e da visão de quem está na disputa. Na coleta de dados entre os técnicos e capitãs dos 12 clubes da Superliga Feminina 2017/18, Tandara aparece como a ´jogadora mais desejada´ para vestir a camisa de outro clube além do Vôlei Nestlé.

A jogadora recebeu o resultado da pesquisa com serenidade. “Fico feliz, pois comprova que o trabalho está sendo bem feito. Também traz uma responsabilidade extra, claro, mas sei lidar com isso. Nos últimos anos, tenho assumido o papel de definição pelos clubes onde passei. No Vôlei Nestlé são duas temporadas e vou usar esses números para me motivar e treinar ainda mais em busca da perfeição dentro de quadra, sempre tentando errar menos em todos os fundamentos”, avaliou a ponteira.

Na temporada passada, Tandara foi a atleta mais premiada da Superliga - maior pontuadora, melhor saque e craque da galera. Versátil, a ponteira do Vôlei Nestlé atuou na posição de oposta no início do novo ciclo olímpico. Além de ajudar a seleção brasileira a conquistar os títulos do Grand Prix, sul-americano e a medalha de prata na Copa dos Campeões, também faturou prêmios individuais, sendo eleita a jogadora mais valiosa (MVP) do sul-americano e a melhor oposta da Copa dos Campeões. De volta ao Vôlei Nestlé, a campeã olímpica foi decisiva na conquista do hexacampeonato paulista.

Peruana chega com moral - A pesquisa do blog Saída de Rede também trouxe alegria para outra jogadora do Vôlei Nestlé. Recém chegada ao Brasil, a peruana Angela Leyva sequer fez sua estreia pela equipe de Osasco. Mas, segundo a opinião dos participantes da Superliga, a ponteira figura entre as candidatas à revelação na temporada, com 7,1% dos votos dos treinadores e capitãs das equipes.

“Recebo está notícia surpresa e feliz. Significa o reconhecimento pelo trabalho feito no Peru, tanto em clube como pela seleção, e espero corresponder às expectativas. Vim para o Brasil defender o Vôlei Nestlé a fim de colaborar com a conquista de títulos, especialmente da Superliga. E vou lutar muito ao lado de minhas novas companheiras para isso”, afirmou a ponteira, que chegou ao país na sexta-feira (20), vestiu o novo uniforme para ser apresentada à imprensa e assistiu a vitória de seu novo time sobre o Renata Valinhos/Country.

Nesta terça-feira, Angela acompanha a equipe de Osasco até Londrina, onde disputa amistoso contra o Adeps/Positivo (que pretende disputar a Superliga B), na próxima quinta-feira (26), às 19h30, no ginásio Moringão, na cidade paranaense. Ainda à espera da documentação de transferência, será a primeira oportunidade para a peruana entrar em quadra pela primeira vez com a camisa do Vôlei Nestlé.
logoblog